Baleia Jubarte

Quanto mais sabemos sobre a baleia jubarte, mais ficamos encantados com sua doçura. As baleias jubarte são conhecidas pelas brincadeiras que fazem, como saltar fora d’água, ficar boiando e movimentar as nadadeiras como se estivessem dando tchau, olhando as pessoas tirando a cabeça para fora da água.

A baleia jubarte também é conhecida por outros nomes: baleia corcunda, porque a nadadeira que ela tem nas costas parece uma corcunda; baleia preta, pela sua cor; e baleia cantora, pois os machos cantam para chamar a atenção das fêmeas.calda-da-jubarte

Como as outras baleias e os golfinhos, são mamíferos como a gente: alimentam-se de leite da mãe enquanto são filhotes. E as mamães jubarte são muito grandes, podem ter até 16 metros de comprimento e 40 mil quilos! (Só para ter uma idéia, uma pessoa adulta pesa em média 75 quilos). As nadadeiras peitorais da jubarte são bem longas, chegando a ter cinco metros de comprimento. Ela é a única baleia no mundo que tem essa característica, então se um dia você encontrar uma baleia com essas nadadeiras peitorais tão longas pode ter certeza que é uma jubarte.

eSobre impacto ambiental       preservação ambiental       educação ambiental

As jubartes todos os anos fazem longas viagens, chamadas de migração. Elas saem de Abrolhos, no litoral baiano, e vão para o Pólo Sul para se alimentar. Enquanto estão nas águas do Brasil elas não se alimentam, com exceção dos filhotes, que mamam cerca de 100 litros de leite. Por dia! Elas preferem as águas quentes, tranqüilas e rasas de Abrolhos para encontrar seus pares, namorar e ter seus filhotes.

Esse animal tão amigo (apesar de tão grande) quase deixou de existir porque foi muito caçado pelo homem. Antes da caça existiam aproximadamente 150 mil jubartes no mundo e, no ano de 1991, somente 25 mil. Os homens caçavam as baleias porque do seu corpo eram retirados vários produtos, como óleo, material para construção de casas, remédios, etc. A língua da baleia era usada como isca para pesca do peixe bagre. Felizmente hoje em dia todas estas coisas foram substituídas por outros produtos, diminuindo a necessidade de caçá-las. Em vários países, inclusive aqui no Brasil, todas as baleias são protegidas por lei. É proibido caçá-las e até incomodá-las.baleia-jubarte

Onde ver as baleias jubarte

No sul da Bahia, a mais ou menos 60 Km da praia, está um grupo de 5 ilhas que formam o arquipélago de Abrolhos. Este lugar nos meses de julho a novembro recebe a visita das baleias jubarte. Normalmente são observados grupos de mãe e filhote acompanhados de outras baleias.

Projetos de estudo da baleia

Para proteger e estudar estas baleias um grupo de pesquisadores criou em 1988 o Projeto Baleia Jubarte. Desde então, vem sendo observado e anotado tudo que diz respeito aos enormes mamíferos do mar.

Em abril de 1996 foi criado o Instituto Baleia Jubarte, que tem como objetivo ajudar o Projeto Baleia Jubarte e as pessoas que moram nas cidades de praia, próximas ao Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, uma área que vai do Norte do Espírito Santo ao Sul da Bahia. Hoje muitas pessoas estão trabalhando com as baleias, como biólogos, oceanógrafos e professores.

Copyright eSobre - Politica de Privacidade

;